| Presidente Prudente/SP

Saúde de Prudente tem situação de emergência decretada

Da Redação

Em 23/05/2019 às 18:54

No início da noite desta quinta, PA da Cohab já apresentava lotação

(Foto: Rafael Lippi/Portal)

A barreira ultrapassada dos mil casos de dengue levou a Prefeitura de Presidente Prudente a decretar situação de emergência na saúde. A medida tem validade de 180 dias e abre a possibilidade de contratação temporária e transferência de servidores de secretarias.

O decreto foi assinado pelo prefeito Nelson Bugalho (PTB), na tarde desta quinta-feira (23), durante reunião com secretários municipais, dirigentes da Vigilância Epidemiológica e Prudenco, além de vereadores.

Foto: Marcos Sanches/Secom



Nesta quinta, foram confirmados mais 90 casos de denguena cidade, elevando o total para 1.085 registros em apenas cinco meses. Há duas mortes, além de quase 5 mil notificações de suspeitas da doença.

UPAs com mais funcionários

A partir dessa sexta-feira (24), as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do Jardim Guanabara e Ana Jacinta receberão novos funcionários, sendo um enfermeiro, um auxiliar de enfermagem e um supervisor.

Já até na terça-feira (28), será divulgada se há a necessidade da contratação de mais funcionários para as UPAs. “A Secretaria de Saúde está autorizada a requisitar de outras secretarias e, além disso, a Prefeitura poderá contratar excepcionalmente, e de forma temporária, funcionários para o combate à dengue”, explica Bugalho.

ESFs e UBSs também atendem casos de dengue

Para evitar a superlotação das UPAs e Pronto Atendimentos (PAs), o secretário municipal de Saúde, Valmir da Silva Pinto, orienta a população a procurar, antes, uma das 35 unidades de saúde de Prudente, sendo 24 Estratégias de Saúde da Família (ESFs) e 11 Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

“As unidades ficam abertas de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, e estão preparadas para o primeiro atendimento, que muitas vezes é hidratação e hemograma. Caso seja constatada a necessidade, a unidade encaminhará o paciente para a UPA”, pontua.

Segundo ele, acredita-se que a medida melhorará, “e muito”, o acesso da população ao atendimento de saúde e diminuirá o fluxo de pacientes nas UPAs. Já após as 17h, a orientação é que os moradores procurem diretamente a UPA ou até mesmo um dos dois PAs, sendo na Cohab e no Jardim Santana.

Compartilhe
Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Prudentino.

Fique tranquilo, seu email não será exibido no site.
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.