| Presidente Prudente/SP

Programa planta 21 mil mudas em recuperação de área em assentamento

Da Redação

Em 30/08/2019 às 14:00

Restam atualmente 26,25 hectares em diversos fragmentos de áreas de reserva legal e de preservação permanente

(Foto: Divulgação/AI)

Em parceria com quatro empresas, o Programa Nascentes, da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente, plantou cerca de 21 mil mudas de espécies nativas em aproximadamente 12,4 hectares no assentamento Santo Antônio II, em Presidente Bernardes. Outros 26,2 hectares em áreas de preservação permanente estão em estágio inicial de regeneração natural.

O assentamento beneficiado tem 699,88 hectares, sendo destinados 234,32 hectares para áreas ambientais, entre reserva legal e área de preservação permanente, dos quais na época de criação do assentamento apresentava fragmentos florestais de aproximadamente 127,20 hectares e um passivo de áreas degradadas de 107,12 hectares.

As áreas ambientais apresentavam alta densidade de plantas nativas regenerantes, incluindo rebrotas, devido à proximidade com remanescentes de vegetação nativa, solo sem compactação, ausência de espécies invasoras e/ou baixa presença de espécies invasoras a exemplo de gramíneas.

No início da implantação do assentamento foram isoladas das áreas destinadas para a produção agrícola, o que propiciou que o processo de regeneração natural atuasse livremente.

A estratégia de isolamento das áreas ambientais desde a implantação do assentamento proporcionou a regeneração natural de cerca de 68,50 hectares, resultando numa redução de passivo para 38,62 hectares. Essa técnica juntamente com a presença de banco de sementes pode favorecer a recuperação ambiental, desde que a área apresente certas condições consideradas favoráveis.

Desta forma para a recuperação das áreas de preservação permanente e de reserva legal, atualmente bastante degradadas e ocupadas por pastagens, recomenda-se o isolamento através de cerca, combate ao incêndio através de aceiro de três metros de largura, e plantio de mudas de espécies florestais nativas do bioma em toda área ocupada por pasto.

No assentamento Santo Antonio II, as demais áreas ambientais que estavam degradadas, que foram anteriormente ocupadas por pasto pelos antigos proprietários, estão sendo recuperadas através de quatro empresas parceiras provenientes do Programa Nascentes. Juntas as empresas parceiras estão restaurando cerca de 12,37 hectares com o plantio com cerca de 21.000 mudas de espécies nativas da região.

Restam atualmente 26,25 hectares em diversos fragmentos de áreas de reserva legal e de preservação permanente, que estão em estágio inicial de regeneração devido à presença de floresta nativa em seus entornos que, através do isolamento e dos novos plantios criarão um ambiente favorável para sua regeneração, proporcionando no decorrer do tempo (nos próximos 10 a 15 anos) sua completa regeneração natural.

Compartilhe
Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Prudentino.

Fique tranquilo, seu email não será exibido no site.
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.