| Presidente Prudente/SP

Com PSDB na linha, Galindo reconsidera exoneração

Presidente do partido intervém e Bugalho aceita exigências de secretário

ROGÉRIO MATIVE

Em 24/11/2018 às 11:27

Vereador licenciado do PSDB decidiu permanecer no governo

(Foto: Arquivo/AI Maycon Morano)

Apenas um dia. Este foi o tempo que durou o pedido de exoneração feito pelo secretário municipal de Relações Institucionais, Rogério Galindo. Após interferência direta do presidente do PSDB, José Baz Avansini, e exigências aceitas pelo prefeito Nelson Bugalho (PTB), o vereador licenciado decidiu permanecer no governo "mais um pouco", em reunião realizada na manhã deste sábado (24).

Entre elogios e desapontamentos, Galindo comunicou seu desejo de deixar o cargo nessa sexta-feira (23), conforme publicou o Portal. Na ocasião, Bugalho emitiu nota afirmando que não tinha "nada a declarar" no intuito de ganhar tempo e conversar com o secretário visando não perder mais um nome do alto escalão em menos de dois anos.

Caso fosse confirmada a saída de Galindo, esta seria a nona exoneração em meio a uma administração marcada pelo alto número de troca de secretários. Galindo está no cargo desde fevereiro deste ano, exatos nove meses.

"Decidi reconsiderar meu pedido e vou continuar mais um pouco. Está tudo acertado, tudo conversado. O prefeito Bugalho aceitou algumas exigências minhas e pediu apoio do PSDB para que possamos fazer uma Prudente cada vez melhor", falou, em entrevista ao Portal.

Questionado sobre quais exigências feitas ao chefe do Executivo para sua continuidade, Galindo preferiu não comentar após interferência de Avansini, que participou do encontro nesta manhã.

Desta forma, o tucano segue na Prefeitura, enquanto que o suplente do PSDB, Wellington Bozo, permanece como vereador na Câmara Municipal.
 

Compartilhe
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.