| Presidente Prudente/SP

Câmara-PP vota derrubada de veto à divulgação de vistorias em pontes

Rogério Mative

Em 08/04/2019 às 12:20

Ponte do Rio Mandaguari, Estrada Sete Copas, sofre com a falta de manutenção nos últimos anos

(Foto: Rogério Mative)

Na sessão ordinária desta segunda-feira (8), a Câmara Municipal de Presidente Prudente debate a derrubada do veto imposto pelo prefeito Nelson Bugalho (PTB) ao projeto de lei aprovado em plenário que determina a divulgação de vistorias realizadas em equipamento urbanos e rurais como pontes, passarelas e viadutos da cidade.

De autoria do vereador Mauro Neves (PSDB), o projeto aponta a necessidade de informações publicadas no Portal da Transparência sobre as vistorias como, por exemplo, local em que foram realizadas; data e sua validade; responsável técnico; observações do estado de conservação do equipamento e apontamento quanto à necessidade de reparo ou manutenção e outras anotações relevantes.

Segundo o vereador, os relatórios devem ser acessíveis a todos independentemente da necessidade de prévia requisição. "A garantia de maior vida útil e de satisfatórios desempenhos estrutural e funcional só será obtida através de uma adequada manutenção, que por sua vez deverá fazer parte de um processo mais amplo de gestão, que identifique, através de vistorias periódicas, as avarias existentes, diagnosticando-as e indicando as ações de recuperação", defende.

"Pontes, pontilhões, viadutos e passarelas, que não recebem atenção preventiva, podem apresentar problemas", finaliza.

Para derrubar o veto, são necessários sete votos ou maioria absoluta do plenário. A rejeição é em discussão única e mediante votação nominal.

Compartilhe
Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Prudentino.

Fique tranquilo, seu email não será exibido no site.
Notícias Relacionadas

Rua Catharina Venturim Peretti, 171

Mário Amato - Presidente Prudente-SP

Telefones: 18-3909 3629 | 18-98122 7428

© Portal Prudentino - Todos os direitos reservados.